Quadrinhos, traduções, política e os argumentos esquisitos

Andou rolando uma pequena polêmica esses dias, pelo twitter; quando dei por mim, já estava a ler sobre no blog Melhores do Mundo (MDM) – a entrada parece ser bem completa –. O fato é que andaram a reclamar de uma tradução feita na revista Batman 98, publicada no Brasil pela editora Panini. Não entro … Continue lendo

Kick-Ass, violência, Shakespeare e notas mínimas [Leituras, teatro, filmes e bobagens] – 12/08/2010 a 18/08/2010

Numa semana pouco produtiva em termos culturais, diverti-me assistindo Kick-Ass. Antes de continuar, já aviso: não darei bola aos puristas. (Ao menos hoje.) O filme, Kick-Ass, nasceu quase como uma HQ, não tenho claro qual das mídias é a matriz; discussão desnecessária, aliás, porque a ideia foi desenvolvida por Mark Millar, que fez dos quadrinhos … Continue lendo

Por que Sandman é tão importante?

Acabo de ler uma postagem sobre o tema e, achando a abordagem bastante fútil, resolvi deixar meus dez centavos sobre o tema. Fujo da estrutura que o outro texto tem, simplesmente porque não vejo necessidade, aqui, de discursar sobre quem é Neil Gaiman, o autor responsável por essa que é das séries mais importantes já … Continue lendo

O Coringa de Batman: O Cavaleiro das Trevas

Pronto, finalmente. Assisti à Tropa de Elite, pra satisfazer todo mundo que, de repente, tem referências mil. Meu comentário sobre o filme? “Sensacional, sensacional!” Assistir filme brasileiro sobre os coitadinhos do nordeste já não me move mais; todo mundo faz, fez ou fará um filme com essa temática. Cansa. Ou não, mas o prisma usado … Continue lendo

  • RSS Ouvindo?

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
  • RSS Curiosidades

    • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.